quarta-feira, 2 de março de 2011

A Porta Mágica

Entraria por essa porta mágica
Como quem abre os olhos ao mundo
Pela primeira vez...
Escolheria entre todos
O de capa mais bela
Capas sempre me seduziram...
E os iria lendo
Ao longo da vida
Um a um
Até o fim dos meus dias...
Neste território
Eu seria rainha
Sem súditos
Sem cortesãos
Só eu e eles
Razão da minha existência
Da minha compreensão da vida
Motivo
Pergunta e resposta
Ao que não sei...
E sairia por ela
Quando a vida em mim
Se extinguisse
Sem olhar para trás
Para que eles não vissem
As lágrimas que verteria
Pelos que não li...

15 comentários:

Beth/Lilás disse...

Que coisa linda!
Paixão literária é coisa séria.
bjs cariocas

lolipop disse...

Glorinha...
Não sei porque não vim antes aqui...desculpa amiga querida...não sabia!

Já visitei também a Thaís...e só conhecia o blogue antigo, cheguei ao novo através deste.

Volto em breve...

BEIJOS ENORMES

Adorei!

Chica disse...

Lindíssimo,Glorinha! Uma porta mágica mesmo.beijos,chica

Maria de Fátima disse...

Olá querida Glorinha, gostei muito deste novo blogue.Tem um look simples e agradável.Passarei a vir mais vezes.Muito sucesso.Beijocas grandes.

Vivian disse...

Bom dia,Glorinha!!

Amei esta poesia!!Combina bem comigo!! Você permite que eu post ela lá no meu blog? Com os devidos créditos!! Se não quiser tudo bem, posso entender.Espero sua resposta!!
E parabéns por mais este espaço!!
Lindo!!
Beijos
Boa semana!!

Lu Souza Brito disse...

Oi Glorinha,

Passando aqui para você saber que a partir de hoje estarei de olho aqui nas suas poesias, que gosto muito!
Beijooos

Cecilia Nery disse...

Lindo! Já estou seguindo. Beijos!

manuel marques disse...

Sucesso.

Beijinhos meus.

Vivian disse...

Olá!!

Obrigada pela permissão!! Amanhã é seu dia no blog!!
Vou colocar seu link.Sempre cuido muito, quando peço emprestado!!
Sempre que me apaixono por uma poesia, peço permissão ao autor antes de coloca-la no blog.
Beijos!!
Muito obrigada!!

Mônica - Sacerdotisa da Deusa disse...

Cheguei minha flor!
Esse cantinho tá muito fofo...café com bolo e poesia..ai ai que delícia!
Beijinhos.

Flores e Luz.

otilia cristina disse...

SINTO ASSIM....LIVROS SÃO VIAGENS QUE FAZEMOS COM OS PÉS NO CHÃO!1DEPOIS QUE LEIO UM LIVRO...FICO DIAS COM A SENSAÇÃO DE PERDA..DE VAZIO..COMO SE ALGUEM QUERIDO FOSSE EMBORA ACHO QUE OS PERSONAGENS SE TORNAM ALGUEM INTIMO E QUERIDO E FICAMOS O TEMPO TODO COM ELES QUANDO ESTAMOS LENDO O LIVRO...DEPOIS VAI PASSANDO O TEMPO E NUNCA ESQUECEMOS DOS PERSONAGENS NÃO É?ENGRAÇADO COMO LIVRO TEM O PODER DE FICAR PRA SEMPRE NA NOSSA MEMORIA E ESTA PORTA EU JA VI ...OU SENTI..QUANDO LI OS LIVROS QUE AMEI....DE TANTO VER VOCE FALAR EM LIVROS E SENTIR SAUDADES VOU LER ANDAVA PREUIÇOSA ANDAVA ..
BEIJOS
OTILIA

Bombom disse...

E cá estou eu com "Uma caixa de Bombons" para juntar ao Café com Livros e com Bolo!
Lindo este teu poema de Amor pelos Livros! Gostei muito.
Já apontei nos meus favoritos e virei sempre que puder. Bjs. Bombom

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

que lindo...
conheço poucas pessoas que respiram o caminho que escolheram, parece que a profissão amada está nas entranhas... vc é isso, um livro, em vez de células vc tem letras.

livros são vc. e como são lindos, os livros... a gente morre, mas eles serão eternos, a palavra nunca morre.

bjs

Élys disse...

Você escreve de uma forma encantadora porque lê muito.
Beijos.

Evanir disse...

Uma maravilha postagem um excelente poema.
Um feliz final de semana beijos carinhos,Evanir
http://aviagem1.blogspot.com/