quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Amor...



Definição do Amor - Lope de Vega

Desmaiar-se, atrever-se, estar furioso,
áspero, terno, liberal, esquivo,
alentado, mortal, defunto, vivo,
leal, traidor, covarde, valoroso;

não ver, fora do bem, centro e repouso,
mostrar-se alegre, triste, humilde, altivo,
enfadado, valente, fugitivo,
satisfeito, ofendido, receoso;

furtar o rosto ao claro desengano,
beber veneno qual licor suave,
esquecer o proveito, amar o dano;

acreditar que o céu no inferno cabe,
doar sua vida e alma a um desengano,
isto é amor, quem o provou bem sabe.


Fiquei encantada por este poema de Lope de Vega e achei que essa definição de amor cabe em muitos tipos de amar...




9 comentários:

Celina Dutra disse...

Glorinha,

Definição maravilhosa. E, concordo, cabe em muitos tipos de amar.
obrigada por essa jóia!

girassóis nos seus dias.
Beijos

Sandra Portugal disse...

Glorinha, muito lindo tudo por aqui!
Quero te contar que o ProjetandoPessoas fará 1 ano de existência e espero sua visita nessa celebração!
E dizer que estou muito feliz em estar nos TOP 30 pela segunda semana seguida, no Prêmio TOP BLOG 2011!
Gostaria de pedir seu voto, caso você não esteja concorrendo e ache que eu mereço seu voto!
bj Sandra
http://projetandopessoas.blogspot.com//

Glorinha L de Lion disse...

Realmente Celina, é uma joia a ser guardada no coração...lindo poema de um grande poeta, não é mesmo? Beijos,

Glorinha L de Lion disse...

Obrigada SaNDRA, beijos,

Orvalho do Céu disse...

Oi, minha flor
O amor é tão intenso que nem cabe em palavra alguma... mas bem que se tenta definir...
Tem pra todos e pra todo tipo de coração...
Bjm de paz e ótimo fim de semana.

Glorinha L de Lion disse...

Mas para isso existem os poetas Rosélia, para tentar transformá-lo em palavras...beijos,

Silenciosamente ouvindo... disse...

Não há definição para o amor...
Ou há muitas e faltarão sempre
outras...
O Amor sempre surpreende...
Mas um bom exercício...
Saudações

Glorinha L de Lion disse...

É verdade, Irene, saudações,

Fernanda - Trilhas Culturais disse...

Oie...ameiii esse poema, seus posts são maravilhosos... bjuss